Elon Musk toma cetamina e cofundador do Google faz uso de cogumelos alucinógenos, revela mídia

O The Wall Street Journal afirma que gerentes e funcionários de big techs justificam o uso de psicodélicos alegando que isso pode ajudá-los a obter avanços nos negócios

Sputnik – Grandes empresários norte-americanos fazem parte de um movimento de drogas que os proponentes esperam que expanda as mentes, melhore a vida e produza avanços nos negócios, diz o The Wall Street Journal.

Como exemplo, o artigo cita as práticas do empresário Elon Musk e do cofundador do Google, Sergey Brin.

“Elon Musk toma cetamina. Sergey Brin às vezes gosta de cogumelos mágicos. Executivos da empresa de capital de risco Founders Fund, conhecida por seus investimentos na SpaceX e no Facebook [rede social da Meta, que é proibida na Rússia por extremismo], deram festas que incluíam substâncias psicodélicas”, diz o jornal estadunidense.

Fonte: Brasil247